quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Homem mais rico do país doa metade da fortuna aos pobres

O magnata africano também já foi responsável por doações para a fundação de Nelson Mandela.
                             O magnata africano também já foi responsável por doações para a fundação de Nelson Mandela. 
                             Fotografia © Siphiwe Sibeko/Reuters 



O multi-milionário sul-africano Patrice Motsepe doou metade da sua fortuna a uma fundação de caridade, em resposta a um apelo de Bill Gates e Warren Buffett.
Nascido em Soweto, uma cidade próxima a Joanesburgo, Patrice controla o grupo africano Rainbow Minerals e a sua fortuna é a 8ª maior no continente africano, de acordo com a revista Forbes.
"A necessidade e os desafios são grandes, e esperamos que o nosso compromisso encoraje outros na África do Sul e mesmo em outras economias emergentes a doar e a fazer do mundo um lugar melhor", disse o multi-milionário, em comunicado.
"Decidi há já algum tempo doar pelo menos metade dos recursos gerados pelos ativos da nossa família para ajudar sul-africanos desfavorecidos, pobres e marginalizados", revelou. O dinheiro deverá ser utilizado "durante a sua vida e depois (...) a fim de melhorar as condições de vida dos sul-africanos pobres, deficientes e desempregados", bem como de mulheres, jovens e trabalhadores, contou a sua mulher, Precious a uma rádio local.
Patrice Motsepe é o primeiro africano a responder ao compromisso "Giving Pledge", uma campanha lançada em 2010 pelo investigador Warren Buffett e pelo fundador da Microsoft, Bill Gates, com o objetivo encorajar as pessoas mais ricas a doar uma parte da sua fortuna para fins filantrópicos. Desde o lançamento do apelo, em 2010, cerca de 70 bilionários acederam à campanha, entre eles o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg e o co-fundador da Intel, Gordon Moore.
A Rainbow Minerals explora minas de ouro, platina, ferro e carvão na África do Sul, bem como minas de cobre na Zâmbia e na Republica Democrática do Congo. Para além da empresa, Patrice possui ainda o clube de futebol Mamelodi Sundowns, sediado em Pretoria.
FONTE: ON GLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário