quarta-feira, 3 de abril de 2013

Governo de transição quer acabar com sacos de plástico até Agosto


O governo de transição da Guiné-Bissau quer acabar com o uso de sacos de plástico até Agosto, colocando em circulação sacos biodegradáveis, disse hoje (quarta –feira)à agência Lusa o secretário de Estado do Ambiente e Turismo. 
 
Agostinho da Costa adiantou à Lusa que a decisão já foi tomada em conselho de ministros, aguardando apenas a aprovação final do Presidente de transição, Serifo Nhamadjo, para que a lei seja publicada no Diário da República. 

O governante explicou que logo que Serifo Nhamadjo (que se encontra em tratamento médico no estrangeiro) regresse ao país a lei será promulgada e divulgada.  

"Temos de fazer à semelhança do que outros países estão a fazer, por exemplo a Mauritânia e o Ghana, entre outros, que já aboliram a importação e o uso de sacos de plástico", afirmou Agostinho da Costa. 
 
As autoridades não têm uma estatística exacta da quantidade de sacos de plástico que entra no país mas o secretário de Estado do Ambiente e Turismo diz serem "toneladas e toneladas todos os anos". 

FONTE: ANGOP

Nenhum comentário:

Postar um comentário