domingo, 20 de outubro de 2013

Luanda rende-se a Seu Jorge de braços aberto

O músico brasileiro realizou na Capital angolana um concerto agradável e completo, de muita dança, ritmos contagiantes, alegria e letras que se impuseram às melodias.
.Seu Jorge

Neste cenário, cujo espectáculo iniciou-se, às 21h29, com alguma frieza, apresentaram-se também os músicos angolanos Coréon Dú e Nelo de Carvalho (os artistas não derrubaram o clima frio da plateia) com quatro canções cada.
Em meio a um interregno de uma hora de espera, assobios, ovações e muita ânsia da enorme plateia presente no espectáculo, Seu Jorge tomou as rédeas do show vestido de “Black ti” (traje formal), e ao som do sucesso “Alma de Guerreiro”.
Trilha sonora da telenovela Salve Jorge, a canção foi executada “a tom da letra” pelos instrumentos ruidosos da banda Conjuntão Pesadão, integrada por executor de bateria, baixo, guitarra, teclas e Dj.
Apesar de ser a sua primeira actuação em Angola, Seu Jorge e banda mostraram-se bem entrosados com o público angolano, tendo cantado “Mina do condomínio”, “Chega no Suingue” e“Quem não quer sou eu”.
“É um privilégio estar pela primeira vez em África, sobretudo em Angola. Sinto uma sensação diferente estar aqui. Espero voltar outras vezes”, realçou o cantor.
Ante às secções de metais impressionantes da banda e sua coreografia, o anfitrião da noite irromper o tema “Dois Beijinhos” ao som de uma flauta. Interpretou também sobre a escassez da água potável no planeta com o tema “Hagua” e fez um Raio X sobre o seu país.
A viagem pelos problemas sociais abordados com muita alma por Seu Jorge foi concluída depois que interpretou os sucessos “Carolina”, “Amiga da minha mulher” e o muito desejado “Burguezinha”. Valeram-lhe os aplausos da plateia em pé.
FONTE http://angorussia.ru/entretenimento/musica/luanda-rende-se-seu-jorge-bracos-aberto/

Nenhum comentário:

Postar um comentário