quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

CÔNSUL DO SENEGAL APOIA AS AÇÕES INSTITUCIONAIS DO ESCRITÓRIO DE ASSISTÊNCIA À CIDADANIA AFRICANA EM PE (EACAPE) EM FAVOR DOS JOVENS COMERCIANTES INFORMAIS SENEGALESES EM RECIFE.

Cônsul Ênio Castellar e o Gestor Altino Mulungu
Representante dos Senegaleses Amadou Toure
e o Cônsul do Senegal.












Na noite da quarta-feira próxima passada, 22/01/14, o gestor do Escritório de Assistência à Cidadania Africana em PE (EACAPE), Altino Mulungu, e o representante do jovem comerciante informal senegalês de Recife, Amadou Toure, foram recebidos gentilmente pelo Cônsul do Senegal, Dr. Ênio Castellar, em seu escritório.
Na oportunidade, Amadou Toure fez uma análise sobre a grade de direitos fundamentais do jovem comerciante informal de Recife, abordando uma série de questões relacionadas com a sua qualidade de vida, tais como moradia, lazer, carência de atendimento médico, etc. Contudo, os principais assuntos do colóquio foram a inclusão médica e a inclusão jurídica, portanto, existe a possibilidade de assistência médica por parte do IMIP, haja vista o EACAPE ter feito contatos preliminares, e  a possível assistência jurídica da DPU (PE) e do Gabinete de Assessoria Jurídica às Organizações Populares (GAJOP), quanto às  solicitações de vistos de permanência junto ao Ministério da Justiça.

No final da reunião, Ênio Castellar declarou apoio irrestrito as ações institucionais do EACAPE, ficando à inteira disposição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário