sábado, 12 de julho de 2014

Bolseiros angolanos disponíveis a trabalharem em qualquer província


Um grupo de 15 bolseiros angolanos recém-formados em Engenharia de Construção Civil e de Eletrônica na China, que chegou hoje, sábado, a Luanda, mostrou-se disponível a trabalhar em qualquer parte de Angola.

Em declarações à imprensa, no Aeroporto Internacional “4 de Fevereiro”, momentos após a sua chegada, Leandro Pereira, de Benguela, disse que estão todos dispostos a dar o seu contributo em qualquer parte do país, desde que estejam criadas as mínimas condições.

“Nós não podemos exigir muito do governo, uma vez que entendemos que o país viveu momentos difíceis e agora está numa fase de transição. Então espero que o governo continue nos acolhendo e assim mostrarmos o que aprendemos para que dessa forma ajudarmos na reconstrução do nosso país”, referiu.

Já Carlos Almeida demonstrou-se muito entusiasmado por saber que o curso que acabou de terminar vai ajudar na reeconstrução de Angola.
Quarenta angolanos foram graduados em Engenharia de Construção civil e de Eletrônica no passado dia 29 de Junho pela Universidade chinesa de Wuhan, na província de Hubei, a uns 200 quilômetros de Beijing, resultado de um acordo rubricado em 2010 entre o Ministério das Obras públicas de Angola e a empresa chinesa SINOHYDRO que leva a cabo vários projetos em território angolano.
FONTE: http://www.portalangop.co.ao/angola/pt_pt/noticias/educacao/2014/6/28/Bolseiros-angolanos-disponiveis-trabalharem-qualquer-provincia,e4b32b6d-4338-4d1a-a705-72be728bf6ed.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário