sábado, 2 de maio de 2015

Está aberto o Museu de Artes Afro-Brasil no Bairro do Recife

unnamed

Recife agora conta com o Museu de Artes Afro-Brasil Rolando Toro, que está aberto ao público no Bairro do Recife, na Rua Mariz e Barros, de segunda à sexta, das 9h às 18h. O chileno Rolando Toro, que era antropólogo e psicólogo, foi responsável pela criação do “Sistema Biodança”, nos anos 60, difundido-o por vários países. Apreciador da cultura africana, o antropólogo colecionou, ao longo dos anos, esculturas oriundas de vários lugares daquele continente e em vida cedeu, a Lúcia Helena Ramos,  psicóloga e educadora de Biodança, seu acervo.

unnamed (2)

O espaço abriga as obras sob a perspectiva de um museu vivo, dinâmico, promovendo estéticas entre as diversas linguagens artísticas afro-brasileiras em um só ambiente. O local também é um espaço para encontros, debates, seminário de biodança, sarau poético, aulas de dança afro, com o grupo Oxum Pandá e formação de contadores de histórias. Trata-se de um oásis para  todas as pessoas apreciadoras da cultura afro e celebra elementos da história e arte na capital pernambucana.


FONTE: http://blogs.ne10.uol.com.br/social1/2015/04/16/esta-aberto-o-museu-de-artes-afro-brasil-no-bairro-do-recife/

Nenhum comentário:

Postar um comentário